terça-feira, 4 de maio de 2010


Lá no topo do meu piano,
Uma lembrança amena,
Como uma dança, um poema...

Alguém sorri para mim,
Num abraço, me faz uma canção,
Num afago me faz ver o oceano,
No topo do meu piano.

No topo do meu piano,
Eu agora posso voar,
Posso ser uma festa,
Um início de ano,
Um recomeço de vida,
No topo do meu piano!

Gláucia Carvalho

3.Maio.2010
23h35

(Para Aquele que Alcançou o Topo do Meu Keyboard)

3 comentários:

Eliel disse...

Seu piano é poesia
Que fala em harmonia,
Lá no topo a euforia
De viver um novo dia.

Do caipira fraco nas rimas,
Eliel

J.F.AGUIAR disse...

Piano e poesia, tudo de bom !!!
estamos felizes com sua volta.

Aline Souto disse...

que lindo Glau.
Vc humilha...hehehehe